PT de Sapé diz que Programa “Tá na Mesa” teve licitação para beneficiar irmãos Alexandre Kennedy e Ednaldo Araújo

 

PT de Sapé diz que Programa “Tá na Mesa” teve licitação para beneficiar irmãos Alexandre Kennedy e Ednaldo Araújo

O Partido dos Trabalhadores de Sapé (PT) denunciou na tarde de hoje (02) a licitação para a escolha do restaurante que está servindo as refeições do Programa “Tá na Mesa” em Sapé. Segundo a direção municipal do Partido, a empresa FERNANDO RICARDO PEREIRA ALVES CNPJ: 41.965.808/0001-90, não passa de fachada para beneficiar os irmãos Ednaldo Araújo Cavalcante e Alexandre Kennedy Cavalcante, respectivamente Gerente Regional do Desenvolvimento Humano da Primeira Região do Estado da Paraíba e o Vereador de Sapé.   



Alexandre Kennedy, prefeito Sidnei Paiva e Ednaldo Cavalcante

A reportagem do Portal GPS entrevistou dirigetes do PT de Sapé, que disse que os indícios começam no próprio documento do CNPJ, onde os contatos (e-mail e telefone) são da cunhada dos irmãos Cavalcante, Kerolyne Estefanny, esposa de um outro irmão, Adriano Araújo Cavalcante. O endereço da empresa de Sapé que atendeu a convocatória da Secretaria de Desenvolvimento Humano do Estado chama-se FERNANDO RICARDO PEREIRA ALVES, CNPJ 41.965.808/0001-90, com endereço profissional na Rua Juscelino Kubitschek, 488, no Bairro José Feliciano.“Fato ainda mais suspeito são os meios de contatos da empresa. O número de telefone é o mesmo número do Rei do Camarão. Sabe-se que o Rei do Camarão pertence ao irmão do vereador Alexandre Kennedy”diz a nota do PT no site institucional Canal 13 (https://ptcanal13.blogspot.com).

A empresa foi constituída na última hora para participar da licitação. A data de constituição é 17/05/2021, como mostra o documento do CNPJ, ou seja, dois dias depois da publicação do Edital do Programa no Diário Oficial do Estado e três dias antes do prazo final de entrega das propostas e documentação para participar da licitação. “A empresa foi criada exclusivamente para participar e ganhar a licitação. Foi aberta uma empresa na modalidade Microempreendedor Individual, que tem inclusive preferência nas licitações. Um forte indício de informação privilegiada, já que o Gerente Regional do Desenvolvimento Humano da Primeira Região do Estado da Paraíba era Alexandre Kennedy”disse Edmilson Pequeno, presidente do PT de Sapé. 



Fachada do “Restaurante” vencedor da licitação em Sapé-PB

Alexandre Kennedy ocupou o cargo de Gerente da pasta no Estado e posteriormente assumiu o cargo de vereador de Sapé com a saída do vereador titular José Agamenon (Marcone Mãozinha) que assumiu a Secretaria Municipal de Planejamento. Alexandre assumiu a vereança e deixou o irmão Ednaldo Araújo Cavalcante no cargo de Gerente no Estado, numa clara manobra para beneficiar o irmão no cargo.“A licitação explica o extraordinário empenho do agora vereador Alexandre Kennedy no Programa Tá na Mesa, saindo da pasta e deixando o irmão e agora como vereador dando ênfase demasiada ao programa, incluindo o prefeito que praticamente se apropriou do Programa do Governo do Estado como se fosse uma ação da Prefeitura”enfatizou Miguel Alves, Secretário de Planejamento do PT de Sapé. 

Miguel Alves – PT Sapé-PB

Ednaldo Cavalcante assumiu o cargo de Gerente Regional do Desenvolvimento Humano da Primeira Região do Estado da Paraíba no dia 01 de junho deste ano e a nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado de 02 de junho.

O Partido apurou todos os detalhes do processo licitatório e apresentou documentos de cada etapa. A denúncia do Partido dos Trabalhadores de Sapé é grave envolvendo os irmãos Cavalcante e deve ser investigada pela Câmara Municipal de Sapé, pelo  Tribunal de Contas do Estado e pelo Ministério Público do Estado, para que se esclareça todos os indícios apontados na constituição da empresa vencedora da licitação do Programa no Município. 

Veja a nota do Partido no link abaixo

Sem comentários: