Homem é preso suspeito de agredir esposa e obrigar filho a consumir bebida alcoólica até desmaiar

 

Criança vomitou sangue e chegou à UPA da cidade quase em estado de coma alcoólico

Polícia Civil prendeu o suspeito (Foto: Reprodução)
Um homem foi preso suspeito de agredir a esposa e obrigar seu filho, de sete anos, a ingerir bebida alcoólica até desmaiar, em Ingá, na Paraíba. De acordo com a Polícia Civil, a criança vomitou sangue e chegou à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade quase em estado de coma alcoólico.

O homem foi preso em flagrante por um policial civil que estava de folga e conduziu o suspeito até a Companhia de Polícia Militar de Ingá, onde solicitou apoio para encaminhamento até a delegacia de Polícia Civil.

A delegada Maria do Socorro Fausto realizou os procedimentos necessários e disse que o suspeito já estava cumprindo prisão domiciliar devido a outros crimes praticados. Segundo informações, o homem teria problemas psiquiátricos, o que será investigado pela Polícia Civil.

“Nós estamos apurando todas essas informações, para darmos prosseguimento às medidas cabíveis. Trata-se de uma pessoa já bastante conhecida aqui pela polícia, devido ao seu comportamento agressivo”, afirmou a delegada.

O Conselho Tutelar da cidade foi acionado e acompanhou o atendimento à criança na UPA. O médico que atendeu o menino disse que a vítima foi submetida a um exame de lavagem estomacal, para amenizar as consequências do líquido ingerido.

Do G1 Paraíba

Sem comentários: