Açude de Boqueirão recebe quase 5 milhões de metros cúbicos de água nas últimas 24 horas

 

Aumento no volume hídrico do reservatório é resultado das chuvas intensas que caíram nos últimos dias na região do Cariri do estado. Dados foram extraídos do site da Aesa

Açude de Boqueirão (Foto: Artur Lira/G1)
O açude Epitácio Pessoa, mais conhecido como Boqueirão, recebeu 4.971.405,20 metros cúbicos de água nas últimas 24 horas, conforme dados extraídos do site da Agência Executiva de Gestão da Águas da Paraíba (Aesa). Com a recarga, o volume do manancial passou de 229.508.063,90, na terça-feira (16), para 234.479.469,10, até 14h desta quarta-feira (17).

No momento, o reservatório está com cerca de 50,56% de sua capacidade total, que é de 466.525.964 metros cúbicos de água.

O aumento no volume hídrico do reservatório, que não recebe águas da transposição do Rio São Francisco há quase um ano, é resultado das chuvas que caíram nos últimos dias na região do Cariri do estado.

O Epitácio Pessoa, que é segundo maior manancial do estado, é responsável pelo abastecimento de Campina Grande e outras 18 cidades paraibanas.

Ainda nesta quarta, nenhum dos 134 açudes monitorados pela Aesa está sangrando. O estado segue com 89 reservatórios em situação considerada dentro da normalidade, com mais de 20% da capacidade hídrica, 29 em observação, com menos de 20% da capacidade hídrica; e 21 em situação crítica, com menos de 5% do volume total.

À TV Paraíba, Alexandre Magno, que é meteorologista da Aesa, disse que estimativa é de que as chuvas continuem, mas com menor intensidade.

Conforme o prognóstico da Aesa para o primeiro trimestre de 2021, a pré-estação chuvosa no semiárido paraibano começou em janeiro. Já os meses de fevereiro e março fazem parte do período mais chuvoso do alto Sertão, Sertão, Cariri e Curimataú.

A previsão é de mais chuva para a Paraíba. Nesta quarta, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta amarelo de chuvas intensas para 95 cidades da Paraíba, válido até 11h da quinta-feira (18).

Veja lista de cidades em alerta AQUI


Do G1 Paraíba

Sem comentários: