ALPB aprova projeto de Camila que concede o Troféu Mulher Cidadã a delegada Maísa Félix


 

Os deputados estaduais aprovaram nesta quarta-feira (16) o Projeto de Resolução 227/20, de autoria da deputada Camila Toscano (PSDB), que concede o Troféu Mulher Cidadã a Coordenadora das Delegacias da Mulher da Paraíba, Maísa Félix Ribeiro de Araújo, em razão dos relevantes serviços prestados na defesa dos direitos da mulher e combate à violência contra a mulher. 

“Esse reconhecimento é mais que merecido para esta mulher que se dedica em garantir a justiça a todos os paraibanos, principalmente as mulheres vítimas de violência. É muito gratificante ter uma profissional, um ser humano do coração tão grande quanto o de Maísa que exerce sua profissão com amor. Esperamos contar sempre com essa mulher guerreira na defesa das causas que tratam da violência contra as mulheres na Paraíba. Seu trabalho é motivo de orgulho, admiração e respeito por todos os profissionais da segurança pública do nosso Estado.”, destacou Camila. 

Representando à Coordeam, já recebeu Votos de Aplausos da Assembleia Legislativa e da Câmara Municipal de João Pessoa, bem como Elogios do Poder Judiciário da Paraíba. Em 2018, foi condecorada com a “Medalha Governador Tarcísio de Miranda Burity”, pelos relevantes serviços prestados à Polícia Civil. Em sua gestão, a Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social conquistou, em 2019, o concorrido “Selo Fórum Brasileiro de Segurança Pública de Práticas Inovadoras no Enfrentamento à Violência contra a Mulher”, com o Programa Mulher Protegida. 

Antes de chegar a Coordeam, Maísa Félix foi Delegada Coordenadora do Grupo de Operações Especiais (GOE) de Guarabira e à superintendente da 3ª Região da Polícia Civil, ocupando por seis anos o cargo máximo da Polícia Judiciária no Brejo paraibano, que abrangia 32 municípios. À época, foi homenageada com o título de Cidadã Guarabirense e recebeu menções honrosas do Poder Judiciário e do Executivo paraibano. Ao longo de sua vida profissional, também exerceu funções administrativas, atuando como chefe de gabinete da Secretaria de Segurança Pública, além de Assessora de Gabinete do Secretário de Segurança Pública em duas gestões. 

Quando ainda atuava no Brejo, Maísa Félix começou a desenvolver um amplo trabalho no cumprimento dos direitos das mulheres paraibanas, sendo a primeira Delegada da Mulher de Guarabira. Em seguida, também recebeu a titularidade da Delegacia da Mulher de Campina Grande. 

Na capital paraibana, se destacou como delegada Titular da Delegacia da Mulher de João Pessoa. Em 2015, com a criação da Coordenação das Delegacias da Mulher da Paraíba, Maísa Félix passou a exercer o cargo de Coordenadora, que ocupa até os dias de hoje. Na Coordeam, comanda de forma contínua a qualificação de profissionais da Segurança Pública no atendimento humanizado e eficaz às vítimas de violência doméstica, além de ações educativas e de conscientização em escolas, empresas, canteiros de obras e locais públicos por todo o Estado.    

Profissão – A delegada Maísa Félix sempre se dedicou ao aperfeiçoamento profissional. É pós-graduada em Direito Penal e Processual Penal pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e em Inteligência Policial pelo Instituto Brasileiro de Gestão e Marketing (Unibra). Tem um currículo extenso, com diversos cursos, como Segurança de Autoridades e Dignatários, promovido pela Acadepol em parceria com a SWAT; Curso de Combate ao Crime Organizado; Investigação Policial; Direitos Humanos; Administração e Gerenciamento de Crise; Violência contra a Mulher, entre tantos outros. 

Perfil – Maísa Félix Ribeiro de Araújo nasceu no dia 27 de maio de 1963 em João Pessoa. Filha da funcionária pública estadual aposentada Maria Félix Ribeiro de Araújo e do sapateiro aposentado João Ribeiro de Araújo, ingressou na carreira de Policial Civil concursada há 32 anos, integrando a primeira turma feminina de agentes de investigação. Graduada em Direito, iniciou como delegada fazendo uma grande atuação no Brejo paraibano e foi titular de várias delegacias distritais, a exemplo de Serra da Raiz, Caiçara, Belém e Guarabira.



Da redação com plugadosnanoticia

Sem comentários: