VEJA VÍDEO! Socialite bolsonarista quer marcar pessoas em isolamento social com fita vermelha

A publicação foi divulgada pelo jornalista Guga Noblat nesta terça-feira (21). “A Barbie fascista existe de verdade e ela tem conta no TikTok”

Cristiane Deyse é empresária (Foto: Reprodução)
Repetindo a ação feita por Adolf Hitler na Alemanha nazista, que instituiu o uso da estrela de Davi para identificar os judeus – considerados “inimigos internos” -, a socialite e empresária Cristiane Deyse Oppitz sugeriu identificar com “fita vermelha” as pessoas que estão seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) ficando em isolamento social por causa pandemia do coronavírus.

“As pessoas que não querem sair do confinamento, as pessoas que não querem trabalhar, fazer a economia girar, porque o mais importante é a vida, marquem ou com um laço vermelho na porta ou quando for sair coloque uma fita vermelha. Aí nós vamos identificar você como pessoa que não quer fazer parte deste grupo que não quer trabalhar”, diz a socialite em vídeo nas redes sociais”, afirma ela.

Para Deise Oppitz, a fita vermelha pode servir para identificar aqueles que não querem trabalhar e “não estão contribuindo” para não serem “assistidos em momento algum”.

“Então, você não vai ser assistido em momento algum. Você não vai ter médico, você não ter farmácia, supermercado, o porteiro também não vai poder lhe atender por causa da marca na sua porta. Você vai ficar em isolamento total. Até que passe esse grande vírus. Assim, toda a alimentação produzida vai para as pessoas que estão contribuindo e não para as pessoas que não querem contribuir”, diz.

Bolsonarista, Deyse Oppitz se identifica em seu perfil direitadeyseoppitz no Instagram como cantora, escritora, cineasta, compositora, sócia de um restaurante de comida saudável e de uma “pousada haras”.

A publicação foi divulgada pelo jornalista Guga Noblat nesta terça-feira (21). “A Barbie fascista existe de verdade e ela tem conta no TikTok”.

Veja vídeo AQUI

Da Revista Fórum

Sem comentários: