Marcos Andrade

Últimas Notícias
recent

Nota dos Meireles é incompreensível diante do rompimento de João e Ricardo

  Uma nota repleta de dúvidas sobre a fidelidade da família Meireles ao Governo Estadual foi publicada pelo vereador Renato Meireles (líder do PSB na Câmara de Guarabira) em sua página do Facebook, nesta quinta-feira (05). O parlamentar expressou o desejo de continuar onde sempre estiveram, porém, não é nítida se a possível permanência será com o atual ou o ex-governador.
A aproximação dos Meireles com Ricardo Coutinho é bastante visível, vale ressaltar que o ex-vereador Beto Meireles concorreu no pleito de 2014 a uma vaga na Câmara Federal. Na ocasião, Beto era considerado o deputado federal de Ricardo Coutinho no Brejo paraibano, o mago concorria a reeleição ao Governo da Paraíba.
Renato se encontra com Ricardo, época governador da Paraíba (Foto: Recuperação/Arquivo).
Na nota, os Meireles citam que são seguidores do projeto, porém, não esclarecem que tipo de projeto. Os paraibanos sabem que a palavra “projeto” é um discurso adotado por Ricardo Coutinho ao longo do mandato de governador, a estratégia é defendida pelos Meireles mesmo após o rompimento de João e Ricardo. O pai e o filho implantou a idéia de embaralhar o discurso e o tornar confuso na mente das pessoas, nesse contexto, passaram a usar o slogan de campanha de João,”segue o trabalho”. É evidente que tentam chamar a atenção do Governo.
No comunicado, ficou clara a intenção dos Meireles para não machucar o relacionamento de amizade que existe com o ex-governador Ricardo Coutinho, e assim, a mensagem “continuaremos onde sempre estivemos” foi compreendida pelos guarabirenses. Confira a nota abaixo.  
É público os acontecimentos envolvendo as duas maiores lideranças políticas da Paraíba, o governador João Azevedo e o ex-governador Ricardo Coutinho, que definitivamente chegam a oficialização do rompimento.
Percebemos, algumas pessoas por não terem a convicção política e serem frágil em suas posturas, procurarem sair na frente externando publicamente seu apoio fácil a João Azevedo para tentarem ganhar pontos  junto ao governo. Como que isso fosse um feito extraordinário. E mais, ficam insinuando que nós, legítimos seguidores em nosso município do projeto, não temos posição.
Nós temos liga com esse projeto, o defendemos todo tempo e a todo hora, independente de circunstâncias momentâneas. Nas eleições fomos o único grupo de Guarabira que diariamente estávamos nas ruas fazendo campanha e pedindo voto pra João, simplesmente porque acreditávamos e acreditamos nos ideais de uma Paraíba bem melhor.
Claro que torcíamos por uma pacificação das duas maiores lideranças desse grupo. Não foi possível, sem muita clareza achamos ter havido mais uma contenda de ordem pessoal. Quanto a nós, não temos razão nem motivos para deixar o governo que ajudamos a eleger. Continuaremos onde sempre estivemos.
Teremos um novo ciclo a trilhar daqui pra frente com João governador.
Segue o Trabalho!
Beto e  Renato Meireles
Da redação com Blog do Galdino

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.