AUTO MEDICAÇÃO, PERIGO NÃO ESCLARECIDO.

 
A automedicação é uma pratica do consumo de medicamentos por conta própria, ou pela indicação de outras pessoas não habilitadas. Nesse sentido, é evidente  que o índice de  da automedicação pelos brasileiros vem crescendo com 76,4%, onde a maioria 90,1% são jovens de 16 a 24 anos. Com isso, infere-se que a falsa  sensação de conhecimento adquirido pela internet, bem como a dificuldade no acesso a saúde frete a tal problemática corroboram para o aumento da mesma.

Em primeira análise, vale destacar  que a procura de medicamentos e soluções para sanar os problemas de saúde na internet vem crescendo segundo a revista on-line EXAME que diz “ 40% da população faz uso do autodiagnostico usando a internet. Com efeito a isso, os casos de entradas nos hospitais por reação do consumo de medicamentos sem prescrição  medicas vem aumentando. Nisso observa-se como a automedicação entre os jovens vem trazendo maléficos.

Em segunda análise, destaca-se o descaso do Estado em virtude a burocracia no atendimento da saúde púbica. Onde 70% dos brasileiros  ou seja de 7 em cada 10 afirmam que não confiam no atendimento do Sistema Único de Saúde. De forma confirmatória nota-se que o atendimento não passa nenhuma confiança, e assim surgem entraves para o aumento da automedicação pela população.

Portanto, é notório que o consumo de medicamentos sem acompanhamento de um profissional trás consigo a fragilidade  na saúde  da população. Logo, o Ministério da Saúde deve elaborar companhas de esclarecimento para mostrar o perigo da automedicação, por meio de reuniões com especialistas da saúde, com o fito de amenizar os casos de consumo de medicamentos sem prescrição medica pela população.






Por Lucas Fideles 








Sem comentários: