Marcos Andrade

Últimas Notícias
recent

Sobe para cinco o número de veículos roubados e clonados apreendidos por policiais militares e civis em Guarabira

Policiais militares e civis apreenderam, nesta quarta-feira (24), na cidade de Guarabira, mais dois carros roubados e com placas clonadas e adulterações nos chassis. Com isso, aumentou para cinco o número de veículos apreendidos desde a última segunda-feira (22) que teriam sido roubados em outros Estados e comercializados na cidade por preços bem abaixo dos valores de mercado. O homem citado como sendo o vendedor dos cinco veículos e que já foi preso por receptação, de acordo com o que informou o seu advogado, estará se apresentando na delegacia nos próximos dias. A operação que resultou nas cinco apreensões até o momento teve o trabalho de policiais da guarnição do Comando do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) e do GTE (Grupo Tático Especial) da 8ª Delegacia Seccional de Polícia Civil.

No caso do quarto veículo apreendido, um Cobalt com placa de Pernambuco, ele foi localizado na garagem de uma residência. Através da placa, os policiais localizaram o proprietário e ele informou que estava com o seu veículo circulabdo normalmente no vizinho Estado. O quinto carro apreendido, localizado no Conjunto Areia Branca, foi um Hyundai HB20, roubado em Minas Gerais e que, após adulterações na placa e chassi, foi vendido na cidade de Guarabira. A pessoa com quem o veículo foi encontrado informou aos policiais que, na negociação, teria entregue o seu carro e pago R$ 5.500,00 e que a compra teria sido feita porque não constatou nenhuma restrição ao consultar a placa. No entanto, ao ser levado para a delegacia e periciado, foi constatado que o Hyundai possuía restrição de roubo ou furto.

Os outros três veículos apreendidos anteriormente foram um Renegade, uma Duster e uma Ecosport. As pessoas que adquiriram os veículos foram conduzidas à delegacia para prestarem esclarecimentos e foram liberadas. Em todos os veículos, foram encontradas adulterações em chassi e/ou placas para que fossem adquiridos pelos interessados. Ao consultarem as placas nos sites especializados, não eram encontradas restrições, uma vez que os veículos com as placas originais circulavam normalmente em outros Estados.






Ascom 4ª BPM 


Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.