Marcos Andrade

Últimas Notícias
recent

PARAÍBA: Dois professores são afastados após denúncias de assédio em escolas estaduais

Em Campina Grande, estudantes da Escola Estadual Severino Cabral denunciaram o professor da instituição por assédio sexual. Em depoimento à TV Paraíba na manhã da terça-feira (26), dois estudantes relataram que estavam assustados com a presença do professor na escola, localizada no bairro Bodocongó.

Segundo relato de meninos da escola, alunos do professor, existem dois Boletins de Ocorrência registrados na Polícia Civil contra ele. As denúncias dos alunos dão conta de que o professor passava a mão nas meninas, inclusive na frente de outros estudantes.
“Ele me chamava nos corredores, me puxava sempre que eu passava. Teve um dia que chegou ao ápice do problema, ele me abraçou e passou a mão na minha bunda e eu me senti muito constrangida com isso. Depois que eu fiz o boletim de ocorrência, cheguei a fazer a denúncia na secretaria, eu fui transferida de turma e ele começou a ser um pouco agressivo comigo. Ele gritava comigo, porque eu não queria responder ele, mandava eu entrar pra sala, sendo que eu não era mais daquela turma”, contou uma das estudantes à TV Paraíba.

Ainda de acordo com o relato de um dos alunos, o professor fazia comentários homofóbicos em sala. “Ele intimidava a pessoa e a envergonhava. Chegou a falar que a gente só ia pra escola pra fazer safadeza, sendo que a gente tá ali pra estudar, pra correr atrás do nosso futuro. Ele, mesmo sendo afastado, apareceu na escola. De certa forma amedronta a gente que fez a denúncia. Ele era muito agressivo com os alunos que denunciavam os abusos dele, sabe, sejam as meninas, pessoas LGBTs, ele tentava passar um medo pra pessoa, pra ela se calar. Só quem passou por tudo que ele fez sabe quem realmente ele é”.



G1



Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.