Marcos Andrade

Últimas Notícias
recent

Cartaxo defende fim do contrato do Estado com Cruz Vermelha: ” O governo contratou uma organização criminosa”

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) defendeu nesta sexta-feira (8), durante inauguração de uma creche no Valentina de Figueiredo, o fim do contrato entre a Cruz Vermelha e o Governo do Estado. Cartaxo enfatizou que a Cruz Vermelha não tinha nenhuma experiência anterior em administração hospitalar e lembrou que o contrato de mais de R$ 1 bilhão foi feito sem licitação.

O prefeito ressaltou ainda, que todos os diretores da entidade estão presos e não entende porque o governo não cancela o contrato com a Organização social, segundo o Ministério Público, se transformou em uma organização criminosa.

“É um valor muito expressivo para uma empresa que nunca tinha qualificação e experiência em trabalho hospitalar em hospitais da Paraíba e sem licitação. O governo tem que encerrar o contrato com a Cruz Vermelha. Toda direção da Cruz Vermelha está presa e o governo insiste em manter o contrato com uma empresa onde está instalada uma verdadeira organização criminosa. A saúde não funciona a contento porque o governo está colocando R$ 1 bilhão nas mãos de uma organização criminosa”, disse.

Anderson Soares

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.