Marcos Andrade

Últimas Notícias
recent

Cesare Battisti: a condenação por assassinatos na Itália, a fuga e a prisão na Bolívia; veja cronologia

A prisão do italiano Cesare Battisti neste sábado (12), em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, ocorre 26 anos após ele ser condenado à prisão perpétua.
A Justiça italiana considerou ele culpado, em 1993, de ter cometido quatro assassinatos naquele país entre 1977 e 1979.
Na época, Battisti integrava a organização Proletários Armados Pelo Comunismo.
Ele nega envolvimento com os homicídios e se diz vítima de perseguição política.

Veja abaixo a cronologia:

1979: Cesare Battisti é preso em Milão suspeito de assassinato de um joalheiro.
1981: Battisti é condenado a 12 anos e 10 meses de prisão por “participação em grupo armado” e “ocultamento de armas”. Ele foge da prisão de Frosinone, perto de Roma, e se refugia na França.
1982: Battisti foge para o México.
1985: o presidente francês François Mitterrand se compromete a não extraditar os ex-ativistas de extrema-esquerda italianos que rompessem com o passado, embora tenha excluído os que cometeram “crimes de sangue”.
1990: Battisti volta para a França e começa a escrever romances policiais.
1991: a corte de apelações de Paris nega um pedido da Itália de extradição.

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.