Marcos Andrade

Últimas Notícias
recent

Apam lamenta falecimento de José Mariz e destaca a sua conduta como homem público

A Associação Paraibana da Advocacia Municipalista (Apam) emitiu nota de pesar pelo falecimento do ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado, o conselheiro José Mariz, e destacando a sua conduta como homem público, que prestou relevantes serviços à população. Ele morreu nesta terça-feira (11), aos 78 anos, em João Pessoa, vítima de um infarto. O sepultamento e enterro serão no Parque das Acácias. 

Nota de Pesar  
Com muita tristeza recebemos a notícia do falecimento do ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), o conselheiro José Mariz. Homem sério, de muito conhecimento técnico, ele se destacou pela dedicação com que se portou no exercício de fiscalização das contas públicas, sempre se pautando pelo critério da ética e da transparência. 

Externamos os nossos pêsames à família e pedimos conforto para este momento de dor. Destacamos ainda o legado deixado por José Mariz, homem público, que teve a vida dedicada ao trabalho, sem nenhuma mácula que desabonasse a sua conduta. Se empenhou muito em tudo que fez, colaborando com a população por onde passou, seja em cargos do executivo ou na fiscalização dos gastos públicos.  

José Marques da Silva Mariz era natural de João Pessoa e formado em Engenharia Elétrica. É pai dos advogados municipalistas José Mariz e Diogo Mariz. Foi presidente do Tribunal de Contas do Estado e conselheiro daquela corte no período de 1995 a 2010. Ele era irmão do ex-governador Antônio Mariz. Ocupou cargos técnicos na Companhia Hidrelétrica do São Francisco, foi presidente da Companhia Energética de Pernambuco (Celbe) e da Sociedade Anônima de Eletrificação da Paraíba (Saelpa). Comandou, também, a Secretaria das Minas e Energia de Pernambuco e a de Planejamento do Estado da Paraíba.




Assessoria



Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.