Marcos Andrade

Últimas Notícias
recent

Boqueirão vai passar mais tempo sem receber água do São Francisco

As obras da tomada complementar de água (rasgo) no açude de Poções (eixo leste da transposição), localizado no Cariri paraibano, devem durar mais que o previsto. A informação foi repassada pelo diretor do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) na Paraíba, Alberto Gomes.
A previsão para finalizar as obras era de quatro meses, mas aumentou para cinco. Segundo Alberto, o atraso vai existir por conta da greve dos caminhoneiros, que teria interrompido o transporte das ferragens e a mão de obra dos serviços.
Os serviços foram retomados no último dia 15 de maio. No dia 14, o Ministério Público Federal (MPF), em João Pessoa, realizou uma reunião com empresa PB Construções, responsável pela obra, que se comprometeu a começar os trabalhos ainda naquela semana.
Por causa das obras, o bombeamento da água da transposição do São Francisco para o açude de Boqueirão permanece suspenso. No último dia 17 de maio, no entanto, o presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), João Fernandes, confirmou ao Portal Correio que, apesar disso, a situação do açude é considerável e boa. 

Com Portal Correio 


Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.